Facebook Instagram Google + Whatsapp
Agende sua consulta

Orquite

Orquite

Orquite

A orquite é uma inflamação que acomete os testículos e algumas vezes o epidídimo. Quando a infecção se dá nos dois órgãos é denominamos orquiepididimite. Quando a infecção ocorre apenas no epidídimo a chamamos de epididimite.

Causas da Orquite

Sintomas da Orquite

Os sintomas da orquite podem ser:

Tipos de Orquite

Orquite viral

Como já falamos acima, a orquite viral pode ser causada por complicações causadas pela Caxumba. Outros vírus que podem causar orquite são: coxsackie, echo, influenza e o vírus da mononucleose.

Nestes casos o tratamento é  feito pela administração de antibióticos, além de repouso, compressas de gelo no local e elevação da bolsa escrotal. Caso o tratamento seja iniciado logo no início dos sintomas, o quadro pode ser revertido dentro de até uma semana.

Orquite bacteriana

A orquite bacteriana normalmente está ligada à inflamação do epidídimo e pode ser causada por bactérias como Mycobacterium sp, haemophilus, treponema pallidum. Seu tratamento deve ser feito com antibióticos específicos para garantir a completa solução da doença.

Diagnóstico
O diagnóstico da orquite pode ser feito com a observação dos relatos do paciente, onde o médico identifica os sintomas da doença, e os confirma através da realização de exame de sangue, ultrassonografia escrotal, e os testes para doenças como gonorréia e clamídia, que  podem ser úteis para verificar a causa da doença o que também já ajuda a definir o melhor antibiótico a ser administrado.

Tratamento para orquite

O tratamento para orquite inclui repouso e administração de medicações para combater a inflamação. O urologista poderá indicar além disso, a aplicação de compressas geladas na região para diminuir a dor e inchaço que pode demorar até 30 dias para ser solucionado.

Orquite tem cura?

Sim. A orquite tem cura e normalmente não deixa nenhuma sequela quando o tratamento é feito conforme indicado pelo médico especialista. No entanto, algumas possíveis sequelas que podem ocorrer são a atrofia dos testículos, a formação de abscessos e a infertilidade quando os 2 testículos são afetados. E nos casos mais extremos de orquite, a remoção cirúrgica dos testículos pode ser necessária.

Como saber se a doença causou Infertilidade?

Todas as pessoas, adultos ou crianças, que tiveram contato com a doença e sintomas clínicos relacionados com os testículos ou ovários. Todos têm a possibilidade de ter como consequência a infertilidade, mesmo os que fizeram o tratamento conforme prescrição médica.

A investigação da fertilidade, espermograma para os homens e contagem de folículos antrais para as mulheres, são exames que irão ajudar a identificar a fertilidade de todos que caxumba ou qualquer outra doença que causam inflamação nos testículos ou ovários.

Como a Orquite esta relacionada com a Caxumba

Uma das possíveis complicações da caxumba é causar infertilidade masculina, isto porque a doença pode não só afetar a glândula parótida, localizadas no pescoço, mas também as glândulas do testículo.

Isto se dá devido a semelhança fisiológica entre as duas glândulas, e isso faz com que a doença algumas vezes possa acometer as duas glândulas. Por isso é tão falada a expressão de que a caxumba pode “descer”.

Quando isto acontece, surge então uma inflamação nos testículos chamada de Orquite, que destrói o epitélio germinativo dos testículos, local onde ocorre a produção de espermatozoides, o que causa infertilidade masculina.

Os sintomas que indicam que a caxumba acomete também as glândulas testiculares são:

Caxumba pode causar Infertilidade Feminina?

Nas mulheres assim como nos homens, a Caxumba pode causar uma inflamação em regiões ligada a fertilidade, os ovários, esta inflamação é chamada Ooforite, que pode causar sintomas como dor abdominal e sangramentos.

Além disso, a Caxumba na mulher pode levar a uma Falência Ovariana Precoce que se trata do envelhecimento dos ovários antes do tempo e que causa infertilidade.

Assim como em qualquer doença, o tratamento da Ooforite deve ser acompanhado por um médico especialista, o ginecologista, que irá direcionar o tratamento que será a base de antibióticos e antiinflamatórios.

Compartilhe!

Última do blog

Preço da fertilização in vitro: como explicar seu custo

Por Dr. Selmo Geber | 22/10/2017

Visto muitas vezes como um procedimento caro, a reprodução assistida envolve, basicamente, alguns processos que necessitam de profissionais especializados, medicamentos […]

Ler mais...

Alguma duvida sobre fertilidade? Fale conosco






Aceito receber novidades exclusivas no meu e-mail

Nossas unidades

Belo Horizonte

Av. Contorno, 7747 - Lourdes.

+55 (31) 2102-6363

+55 (31) 99827-2517

Governador Valadares

Av. Brasil, 3277 - 102 e 2º andar.

+55 (33) 3271-8787 | 3271-5055

www.neovitae.com.br

Juiz de Fora

Av. Dr. José Cesareo, 57 - Alto dos Passos.

+55 (32) 98888-2776

Montes Claros

Clínica Inomed - Av. Cel. Prates, 377.

+55 (38) 3222-1771 | 3222-7262

www.drmarcoaurelio.med.br

Rio de Janeiro - Barra

Av. Rodolfo de Amoedo, 140 - Barra da Tijuca.

+55 (21) 2128-5353

Rio de Janeiro - Centro

Av. Almirante Barroso, 22 - Centro - 17º andar.

+55 (21) 2217-5313 | 98477-9433

Rio de Janeiro - Ipanema

Rua Visconde de Pirajá, 407 / Sala 901 - Ipanema.

+55 (21) 2227-4655

Rio de Janeiro - Niterói

Rua Doutor Celestino, 122 - Sala 1319 - Centro.

+55 (21) 2719-0247 | 99971-5070

Rio de Janeiro - Resende

Rua João Batista de Moraes, 65 - Bairro Barbosa Lima.

+55 (24) 3354-2079 | 3355-2021

Bahia - Teixeira de Freitas

Avenida Cárter, 101, (Recepção 02) - Jardim Caraipe.

+55 (73) 3292-1717 | 3016-0906 | 99819-4979