Facebook Instagram Google + Whatsapp
Agende sua consulta

Quais drogas e medicamentos podem causar infertilidade?

Quais drogas e medicamentos podem causar infertilidade?

Alguns casais tentam engravidar por um ano sem sucesso. Quando isso acontece, provavelmente algum distúrbio de fertilidade está atrapalhando seus planos e, portanto, recomenda-se que eles procurem auxílio médico. As causas dessa dificuldade podem ser várias, e todas elas devem ser estudadas.

Além de fatores diretamente ligados à fertilidade, é preciso informar ao médico as condições gerais de saúde e os hábitos dos parceiros. O uso de alguns medicamentos pode comprometer a fertilidade, ainda que prescritos por outros médicos.

Também é comprovado que o consumo esporádico ou social de álcool, cigarro e maconha não os tornam menos nocivos à saúde reprodutiva. O seu consumo, mesmo moderado, pode causar infertilidade, tanto em homens quanto em mulheres.

Neste artigo, vamos abordar como algumas dessas substâncias podem causar infertilidade, prejudicando os planos de maternidade e paternidade de tantas pessoas.

Finasterida e outros androgênicos

A finasterida é um medicamento comumente prescrito para combater a calvície. Segundo a bula, o uso dessa substância não deve ser descontinuado, sob risco de perda dos novos cabelos.

Contudo, poucos pacientes sabem dos seus efeitos colaterais, entre eles a piora da qualidade do sêmen e a infertilidade. A boa notícia é que tais efeitos podem ser revertidos com a suspensão do uso da finasterida.

Eritromicina e outros antibióticos

Muitos antibióticos, como eritromicina, gentamicina e tetraciclina, diminuem a produção de espermatozoides e a sua qualidade por terem efeitos tóxicos nas células testiculares.

Esses medicamentos são indicados para o tratamento de infecções.

Fluoxetina e outros antidepressivos

Alguns antidepressivos podem diminuir a libido, causando disfunção erétil e problemas na ejaculação, o que levará a uma diminuição da chance de gravidez pela ausência de relações sexuais.

Outros medicamentos que podem causar infertilidade

Antes de alguns tratamentos, como a quimioterapia e a radioterapia, é recomendado que os pacientes preservem a sua capacidade fértil por meio do congelamento de óvulos e esperma, por exemplo.

Nos tratamentos para gastrite e úlcera, infecções fúngicas e micoses, hipertensão arterial e controle de colesterol, são prescritos vários outros medicamentos que podem causar a infertilidade também.

Drogas lícitas e infertilidade

As chamadas drogas recreativas, como álcool e tabaco, alteram os níveis hormonais, levando assim à infertilidade.

Nos homens, o álcool causa um desbalanço entre os níveis de testosterona e estrogênio. Também afeta a ereção e compromete a produção e a qualidade dos espermatozoides. Nas mulheres, interfere na produção hormonal, o que diminui a menstruação e causa falhas na ovulação, aumentando o risco de ocorrência de aborto.

O tabaco afeta a fertilidade masculina por alterar a produção de espermatozoides e a capacidade de se locomover (motilidade). Já nas mulheres, os efeitos são mais extensos. As alterações hormonais levam ao comprometimento dos folículos, das características fisiológicas das trompas e diminuem a fertilização. Em caso de fecundação do óvulo pelo espermatozoide, o tabaco também dificulta a implantação.

Maconha

Assim como o tabaco, a maconha diminui os níveis de testosterona. Os reflexos na fertilidade masculina são uma menor quantidade de espermatozoides viáveis e a sua motilidade comprometida.

Mesmo no caso de ocorrer uma fecundação com esses espermatozoides anormais, o risco de aborto é muito alto.

Consultar um médico é imprescindível, pois a automedicação põe em risco a saúde. Além disso, não importa a especialidade, o paciente deve sempre deixar claro a sua preocupação com a infertilidade. Isso permite a escolha de substâncias com efeitos colaterais mais brandos.

Também é importante, ao procurar uma clínica de reprodução assistida, lembrar-se de fornecer todas as informações sobre condições médicas prévias e atuais, medicamentos e hábitos. Um quadro mais completo permite esclarecer rápida e precisamente as causas da infertilidade e assim contorná-la.

Para estar sempre bem informado, assine a nossa newsletter.

Compartilhe!

Deixe o seu comentário:

Última do blog

Entenda como funcionam as fases da vida reprodutiva feminina

Por Dr. Selmo Geber | 22/01/2018

A mulher passa por diversas fases reprodutivas durante a vida, da infância até a idade adulta. Entretanto, nem todas sabem […]

Ler mais...

Alguma duvida sobre fertilidade? Fale conosco

Nossas unidades

Belo Horizonte

Av. Contorno, 7747 - Lourdes.

+55 (31) 2102-6363

+55 (31) 99827-2517

Governador Valadares

Av. Brasil, 3277 - 102 e 2º andar.

+55 (33) 3271-8787 | 3271-5055

www.neovitae.com.br

Juiz de Fora

Av. Dr. José Cesareo, 57 - Alto dos Passos.

+55 (32) 98888-2776

Montes Claros

Clínica Inomed - Av. Cel. Prates, 377.

+55 (38) 3222-1771 | 3222-7262

www.drmarcoaurelio.med.br

Rio de Janeiro - Barra

Av. Rodolfo de Amoedo, 140 - Barra da Tijuca.

+55 (21) 2128-5353

Rio de Janeiro - Centro

Av. Almirante Barroso, 22 - Centro - 17º andar.

+55 (21) 2217-5313 | 98477-9433

Rio de Janeiro - Ipanema

Rua Visconde de Pirajá, 407 / Sala 901 - Ipanema.

+55 (21) 2227-4655

Rio de Janeiro - Niterói

Rua Doutor Celestino, 122 - Sala 1319 - Centro.

+55 (21) 2719-0247 | 99971-5070

Rio de Janeiro - Resende

Rua João Batista de Moraes, 65 - Bairro Barbosa Lima.

+55 (24) 3354-2079 | 3355-2021

Bahia - Teixeira de Freitas

Avenida Cárter, 101, (Recepção 02) - Jardim Caraipe.

+55 (73) 3292-1717 | 3016-0906 | 99819-4979