Fechar
Icone Newsletter
Endometriose | Conheça os sintomas e tratamentos

Garanta o seu e-book grátis sobre endometriose agora e saiba tudo sobre os sintomas e os tratamentos existentes.

Clique aqui e confira mais e-books gratuitos como, Entenda a infertilidade feminina e guia sobre a fertilização in vitro.
Fechar

Selecione uma unidade para enviar um Whatsapp:

Belo Horizonte - (31) 99827-2517 Juiz de Fora - (32) 98888-2776 Governador Valadares - (33) 98866-1706 Rio de Janeiro - (21) 99566-1850

agendamento de consulta

Vitaminas e fertilidade masculina: conheça 4 que podem auxiliar

Vitaminas e fertilidade masculina: conheça 4 que podem auxiliar

Os espermatozoides são produzidos nos testículos. O processo de produção e maturação demora cerca de 70 dias. Eles possuem algumas características específicas que são essenciais para sua qualidade e para a fertilidade.

Todo o processo de produção e maturação dos gametas masculinos dependerá de diversos fatores. Algumas vitaminas podem auxiliar na produção de espermatozoides saudáveis. Se consumidas adequadamente e sob supervisão médica, podem ser importantes para o aumento da fertilidade.

Quer saber mais sobre o assunto e aprender sobre vitaminas e fertilidade masculina? Então acompanhe este post e conheça 4 substâncias que podem auxiliar na melhora da fertilidade.

1. Vitamina A e a qualidade do espermatozoide

A vitamina A tem um propósito especial no corpo quando falamos em produção de espermatozoides. Ela é fundamental para que sejam produzidos os hormônios sexuais masculinos. A função desses hormônios é produzir gametas de qualidade por meio da indução de vários processos.

Se existe uma deficiência de vitamina A, a produção de hormônios, como a testosterona, é reduzida. É possível observar alterações de quantidade e morfologia dos espermatozoides, podendo reduzir a fertilidade. Da mesma forma, a qualidade do sêmen é comprometida.

A vitamina A pode ser obtida em diversos alimentos, como ovos, frutas e legumes de coloração amarelada, leite e seus derivados, verduras com folhagem verde-escura e peixe. Ela também pode ser encontrada em formulações de suplementos alimentares, já que nem sempre o homem consegue consumir a quantidade de alimentos necessária.

2. Vitamina E e a morfologia do espermatozoide

A vitamina E é um composto lipossolúvel que, após ser absorvido pelo intestino delgado, é armazenado no fígado, nas células adiposas e nas musculoesqueléticas. Quando liberado, exerce diversas funções no organismo.

Essa vitamina atua como um excelente antioxidante. Suas ações evitam que a membrana que envolve os espermatozoides seja deteriorada pela atividade dos radicais livres. Além disso, ela protege o tecido que forma os testículos e promove a produção de gametas masculinos.

Naturalmente, podemos encontrar a vitamina E em diversos alimentos. Além disso, variadas fórmulas de suplementos alimentares contêm vitamina E, podendo auxiliar na manutenção dos níveis dessa vitamina no organismo.

3. Vitamina D e a sobrevivência do espermatozoide

A vitamina D consegue atuar nos testículos e auxilia na manutenção da sobrevivência e das funcionalidades dos espermatozoides já maduros. Sua deficiência provoca redução do volume de gametas e diminuição da fertilidade masculina.

Ela auxilia na espermatogênese, processo de produção de espermatozoides no organismo. Além disso, faz com que eles fiquem maduros e prontos para promover a fecundação do gameta feminino, já que melhora sua motilidade ao aumentar os níveis de cálcio neles.

Essa vitamina pode ser obtida por meio de vários alimentos, como peixes e frutos do mar, e na forma de suplementos poderosos. Ela também é obtida pela exposição aos raios solares, que conseguem produzi-la na pele. Por isso, é importante que você se exponha cerca de 10 minutos ao sol todos os dias em horários específicos: antes das 10h ou após as 15h.

4. Zinco e o metabolismo da testosterona

O zinco é um mineral essencial para que sejam produzidos espermatozoides de qualidade. Ele é vital tanto para o funcionamento normal da função sexual do homem quanto para a reprodução.

Ele ajuda na produção de testosterona, para o desenvolvimento de testículos normais na vida adulta e para a produção em si dos espermatozoides. Além disso, auxilia em sua motilidade e na quantidade de gametas.

Boas fontes de zinco na alimentação são as carnes, os peixes e os frutos do mar.

Se você deseja melhorar sua fertilidade e as chances de alcançar o sonho de ter um filho, procure um médico especialista em reprodução humana. Só ele pode lhe oferecer as melhores dicas sobre como levar uma vida mais saudável e aumentar sua fertilidade.

E aí, gostou do nosso post e aprendeu um pouco mais sobre as vitaminas e a fertilidade masculina? Então siga o nosso perfil nas redes sociais e fique por dentro de todos os nossos conteúdos. Estamos no Facebook, no Instagram e no Google+!​

Vitaminas e fertilidade masculina: conheça 4 que podem auxiliar
Avalie esse artigo:

Compartilhe:

Tags:

Categorias:

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de

ÚLTIMA DO BLOG Ver todos os posts
Quais são os principais sintomas do aborto?

Uma em cada seis mulheres sofre aborto espontâneo, uma das complicações mais comuns do primeiro trimestre da gravidez. As causas mais comuns associadas à perda de gravidez são as malformações uterinas e as alterações genéticas. Em uma grande parte das […]

Leia mais
Faça seu agendamento

Proporcionamos um atendimento exclusivo exatamente como você merece.

AGENDE SUA CONSULTA
ENTRE EM CONTATO

Alguma dúvida sobre fertilidade?
Fale conosco