Fechar
Icone Newsletter
Endometriose | Conheça os sintomas e tratamentos

Garanta o seu e-book grátis sobre endometriose agora e saiba tudo sobre os sintomas e os tratamentos existentes.

Clique aqui e confira mais e-books gratuitos como, Entenda a infertilidade feminina e guia sobre a fertilização in vitro.
Fechar

Selecione uma unidade para enviar um Whatsapp:

Belo Horizonte - (31) 99827-2517 Juiz de Fora - (32) 98888-2776 Governador Valadares - (33) 98866-1706 Rio de Janeiro - (21) 99566-1850

agendamento de consulta

Entenda o que é a Síndrome dos Ovários Policísticos e saiba como tratá-la!

Entenda o que é a Síndrome dos Ovários Policísticos e saiba como tratá-la!

infertilidade é um problema recorrente na população mundial e pode ser causada por diversos fatores. Uma dessas causas está associada à Síndrome dos Ovários Policísticos, doença que afeta cerca de 20% das mulheres em idade reprodutiva e que pode manter-se invisível durante a vida toda.

Entenda, no post de hoje, o que é, de fato, a Síndrome dos Ovários Policísticos, assim como as causas possíveis, seus sintomas, métodos de tratamento e outras informações sobre o assunto. Confira!

O que é a Síndrome dos Ovários Policísticos?

Trata-se de uma disfunção hormonal que leva à anovulação crônica. Nesse caso, não existe o crescimento de folículos e assim pequenos folículos que não se desenvolvem se acumulam nos ovários, apresentando essa imagem ao ultrassom.

Como não existe o crescimento folicular, não há produção dos hormônios estrogênio e progesterona e, consequentemente, não há menstruação.

Como não há crescimento folicular, não ocorre ovulação e não havendo liberação do óvulo, não há gravidez.

Quais são as causas da doença e os fatores de risco?

A medicina ainda não chegou a um consenso quanto às causas da doença. No entanto, constantemente, verifica-se que ela ocorre em maior frequência quando já existe um caso anterior na família.

Além da predisposição genética, existe uma associação com obesidade e aumento da resistência à insulina.

Quais são os principais sintomas?

A Síndrome dos Ovários Policísticos está associada à irregularidade na menstruação e produção descontrolada de hormônios andrógenos, que provocam o desenvolvimento de características do sexo masculino, como aumento de pelos e acnes e espinhas.

Como é feito o diagnóstico?

O médico especialista, o ginecologista, deverá analisar todos os sintomas, fazer o exame físico e solicitar exames complementares.

São solicitados exames de sangue para avaliar os níveis de hormônios como FSH, LH, testosterona e prolactina. Em alguns casos, o ginecologista pode solicitar exames de curva de glicemia e insulina.

A ultrassonografia é o exame que permite identificar os pequenos folículos (microcistos) na superfície do ovário.

É importante lembrar que um único sintoma não é suficiente para diagnosticar a doença. Uma série de fatores precisam estar envolvidos e outras patologias devem ser consideradas para que o médico conclua precisamente a situação da paciente.

Quais são os possíveis tratamentos?

A Síndrome dos Ovários Policísticos pode ser tratada com medicamentos, conforme o quadro de cada paciente.

Para mulheres que não desejam engravidar, usam-se pílulas anticoncepcionais com o intuito de regular o ciclo menstrual e as disfunções hormonais. Caso contrário, pode-se usar indutores de ovulação, permitindo que a mulher volte a ovular e possa ficar grávida.

A cirurgia atualmente tem sido dispensada, visto que os métodos com medicamentos se tornaram eficazes. Para combater os sintomas, como a obesidade, recomendam-se a prática de atividades físicas e dietas saudáveis, além do uso de inibidores de pelos faciais para mulheres que se incomodam com os pelos excessivos.

A Síndrome dos Ovários Policísticos é uma doença extremamente comum entre as mulheres, mas pode ser identificada e tratada. Fique atenta aos sintomas e visite regularmente o seu médico!

Achou nosso texto interessante? Então não deixe de compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais!

Entenda o que é a Síndrome dos Ovários Policísticos e saiba como tratá-la!
Avalie esse artigo:

Compartilhe:

Tags:

Categorias:

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de

ÚLTIMA DO BLOG Ver todos os posts
Quais são os principais sintomas do aborto?

Uma em cada seis mulheres sofre aborto espontâneo, uma das complicações mais comuns do primeiro trimestre da gravidez. As causas mais comuns associadas à perda de gravidez são as malformações uterinas e as alterações genéticas. Em uma grande parte das […]

Leia mais
Faça seu agendamento

Proporcionamos um atendimento exclusivo exatamente como você merece.

AGENDE SUA CONSULTA
ENTRE EM CONTATO

Alguma dúvida sobre fertilidade?
Fale conosco